High Guardian Spice: criador comenta sobre baixo orçamento destinado à série

Crunchyroll Studios / Divulgação

De acordo com depoimentos do produtor Raye Rodriguez em sua conta no Twitter, a animação High Guardian Spice enfrentou uma série de problemas em seus bastidores graças ao baixo orçamento destinado pela Crunchyroll Studios, contrariando as palavras da chefe do departamento Margaret Dean, que em entrevista ao site Digiday em 2018, pouco depois da atração ser anunciada, teria dito que havia sido financiada inteiramente pela Ellation com investimento equivalente aos custos de animes. Confira o post em que Rodriguez comenta sobre o assunto:

 

 

“High Guardian Spice teve um orçamento minúsculo. Nós realizamos o primeiro programa de um estúdio não sindicalizado. Se vocês se incomodaram com a qualidade da animação, foi o orçamento. Artes de Fundo?? Orçamento. Escrita?? Orçamento. Nós literalmente começamos a fazer o storyboard do primeiro episódio antes mesmo do primeiro roteiro estar finalizado.”

Na mesma série de tweets, Rodriguez relata que embora a série tenha sido destacada como um produto da Crunchyroll, o desenvolvimento foi realizado de forma idêntica ao de animações americanas, declarando inclusive sobre os valores investidos que: “eram comparáveis aos de um produto da Cartoon Network com episódios de 11 minutos de duração com foco em comédia, contendo cenários de fundo e estruturas de personagens simples” ratificando também que o projeto era artisticamente ambicioso dentro do valor destinado e cronograma que estavam planejados.

O autor de High Guardian Spice chegou a mencionar a animação Onyx Equinox, produzida no mesmo estúdio ao afirmar que essa série teve o benefício de ser feita após os erros cometidos em High Guardian Spice terem sido aprendidos e evitados com a sindicalização do estúdio, contando com boa parte da mesma equipe técnica e processo de criação. Curiosamente, a autora de Onyx Equinox, Sofia Alexander, também se manifestou a respeito do tópico debatido na mesma rede social:

 

“Complementando as afirmações de Raye: O mesmo problema aconteceu com Onyx Equinox. Para terem noção nossa verba era algo próximo a 1/3 de muitas produções ocidentais, e o empurrão para nos tornarmos sindicalizados foi porque eu ameacei sair antes da produção ser iniciada.”

Contudo, Alexander destacou que profissionais muito competentes trabalharam ao seu lado e que ainda que a situação por trás das séries não fossem tão objetivas e claras quanto pareciam, reiterou gratidão à plataforma de streaming, pois segundo a criadora: “A CR foi um dos três estúdios que teriam abrigado a minha proposta. Eu não teria tido melhor oportunidade de realizar tão bem uma história sobre trauma e luto com personagens LGBTQIA+ em nenhum outro lugar.”

Por fim, Rodriguez concluiu sua argumentação ao dizer: “Ao invés de aderirem cegamente à campanha diflamatória contra High Guardian Spice, pensem sobre o que aconteceu nos bastidores para presenciarem um resultado final assim, tenham empatia pelos pessoas que fizeram o melhor que puderam se dedicando àquilo, e analisem criticamente sobre quem pode ter começado esse levante de ódio à série antes de querer discutir.”

Confira a crítica disponível no ANMTV sobre High Guardian Spice.

70 respostas para “High Guardian Spice: criador comenta sobre baixo orçamento destinado à série”

  1. Breno disse:

    A crunchyrool devia parar de fazer animes originais pq muitos deles são rushados na história como The god of highschool e muitos decepcionam como noblesse e tower of god

    • Rafael Barreto disse:

      tog é bom pra kct

    • murasaki disse:

      No mínimo a dublagem de Tower of God deveria sair do papel em algum momento.

      Por mais que a história da série não tenha agradado um certo público de certa maneira, ainda existe algo a mais no anime que por algum motivo pararam de falar sobre desde que a Loading acabou. Deixar esse tipo de coisa no limbo por mais que a série não tenha uma boa recepção, chega a ser um desperdício de dinheiro além do anime que financiaram.
      O mesmo valeria pro isekai do smartphone se a dublagem tivesse realmente sido feita mas não lançada. Melhor lançar e ter pelo menos um pouco mais de cliente na plataforma do que não lançar e pagar cachê de dublador pra nada no final…

  2. son disse:

    Falaram mal ainda foi pouco.
    Típico dessa gente ficar colocando culpa em tudo menos nos próprios erros.

    Orçamento tá muito longe de ser o problema principal dessa aberração

    • Bruno Luiz disse:

      O pessoal da produção dessa aberração quer mais é jogar a culpa na gente ao invés de admitirem que foi uma fórmula fracassada tentando replicar conceitos de desenhos animados novos que tbm se demonstram ser ineficientes, tentam forçar uma narrativa, mas esqueceram que o cidadão comum busca na CR entreter-se e não sair por aí levantando bandeira, tem um traço que pelo amor de deus, nem no Cartoon Network funciona mais, a história é um monte de garrancho, enfim, eles sabem que fizeram caca, mas não admitem que falem mal dessa caquinha

      • son disse:

        Parece até brincadeira, dizer até que roteiro é ruim por causa do orçamento

      • Luciano Nascimento disse:

        O erro foi mais da CR, a empresa não faz anime, logo não ia dar certo, porém não digo que é uma aberração, só uma série mediana, daria certo em canais que são americanos como a Cartoon N.

      • Rita de Cássia Lima do Nascime disse:

        Porém lá CR já tem uma animação deles, então vem parte da culpa, mas só dizer que a série é uma “aberração” acho errado, a questão é que ela é clichê mas sim, tem bastante coisa boa,

    • Thiago Santos disse:

      concordo

    • Luciano Nascimento disse:

      O erro foi mais da CR, a empresa não faz anime, logo não ia dar certo, porém não digo que é uma aberração, só uma série mediana, daria certo em canais que são americanos como a Cartoon N.
      O mais correto é avaliar assim.

      • son disse:

        Pergunta honesta, você tá sendo pago pra sair comentando isso?

        • Luciano Nascimento disse:

          Quem dera, apenas eu avaliando a série como ela é e não por causa de uma das roteiristas que foi idiota.

          • son disse:

            Então nesse caso ela continua sendo ruim e desrespeitosa com os fãs de animes independentemente de qualquer coisa

        • Rita De Cássia disse:

          Oi, então sobre a série recomendo muito ver este vídeo:https://youtu.be/RPAugfV02Hc
          Pq ajuda muito a ver que teve gente querendo derrubar a série antes de sair, pq não gostar é uma coisa e outra diferente é fazer o possível pra tornar a série de ser vista

          • son disse:

            Seu vídeo é horrível também, moça.

            Basicamente me fez perder tempo com os mesmos argumentos que já foram postados aqui. Você viu a discussão toda??

            Novamente, eu não preciso comer merda pra saber que é ruim

          • Rita de Cássia Lima do Nascime disse:

            Sobre comer merda eu não sei, a questão é ninguém julgou a obra pelo o que ela é e sim pela temática LGBT, a discussão toda não é pelo trabalho feito e sim pela roteirista, que foi tóxica, o bizarro é que ela continua em outras produções e ninguém foi lá reclamar pra tirar ela, o vídeo fala exatamente isso, as outras produções não foram afetadas, por isso que o Brasil realmente não vai pra frente e nem estou apoiando as falas dela, ficou claro que ouve sim muito perseguição pela obra e só!

          • son disse:

            A série é primeiro uma propaganda política de uma ideologia ( feita da forma mais genérica possível) e em segundo plano possuí um roteiro meia boca? Não dá pra dissociar a temática lgbt porque ela primeiro foi pensada pra ser uma propaganda, só depois é que o roteiro chega. Não é tão difícil entender.
            A discussão é pelo trabalho feito. Eu mesmo nunca nem vi o que essa mulher falou, só tô criticando a série mesmo e tudo que envolve ela.
            Por mim que ela não continuasse a poluir o entretenimento como ela faz agora.

      • Oliveira disse:

        Em literalmente todo comentário voce esta la pra defender essa animação escrota, realmente parece que voce esta sendo pago para isso, ou so tem problemas psicológicos mesmo.

        • Luciano Nascimento disse:

          Não estou defendendo a Animação e sim o dono da série, pq ele em nada tem haver com a roteirista falando merda na internet sobre homens

    • Luciano Nascimento disse:

      Eu vi a série então posso dizer que não é ruim mas muito clichê, o errado é o que aconteceu de colocar na Crunchyroll, ficar com raiva da série sendo que foi só uma pessoa da produção mal educada é ruim viu.

  3. Blu3s disse:

    Acho que todo esse longo desabafo é um sinal não oficial de CANCELAMENTO das duas produções, mas é só um palpite…

    • murasaki disse:

      No caso da série na matéria, “cancelamento” chega a também ter outro sentido…

    • MeGaNiNjA disse:

      High Spice foi cancelada mesmo antes de ir ao ar, só foi ao ar por contrato mesmo

      • Rita de Cássia Lima do Nascime disse:

        O que já é errado, a outra série citada pelo texto falou que tinha mais séries que eles trabalharam, no qual não passou por boicote ou difamação, creio que sim a Roteirista ser escrota seja bem ruim mas em nada ajuda colocar a culpa na equipe toda, tira lá da produção seria o mais correto, se puder assistir o vídeo sobre este caso deixo aqui:https://youtu.be/RPAugfV02Hc

        • MeGaNiNjA disse:

          O boicote foi não só por causa da Kaith mas por causa da equipe toda e da maneira que estavam promovendo a serie
          Ter falado que foi culpa dela só me parece um tipo de controle de dano pra falar que aquilo tudo foi injusto

          Alais o ponto dela comparando as HQs da escritora foi patético, ainda mais se comparar que os conteúdos escritos por ela são bem mais nichados do que o número de pessoas que usam o CR que tem um alcance e repercussões maiores

          Sobre obras ocidentais no CR, das que eu sei, fora o fato de high spice ser a única obra100% ocidental no CR, das outras duas uma tá lá há uns 30 anos por causa da dona antiga (RWBY da roster) e a outra è ocidental mas tem equipe de animação Japonesa (Equinox) fora que as duas já nâo são produzidos faz tempo

          • Rita de Cássia Lima do Nascime disse:

            Se vc assistiu o vídeo realmente foi sim por causa da Keith ter falado merda, colocado Feminismo na obra e ser estúpida no twitter, os outros trabalhos dela continuam firmes e ela está bem de vida, então pq não foram atrás dela e seus outros trabalhos?! Pq o pessoal quer sim difamar uma série LGBT e só isso, a única coisa ruim da série é ela está em inglês, pra mim não funciona isso.

  4. Rafael Barreto disse:

    Se f0deu bonito kkkkkk

  5. Blu3s disse:

    Eu me impressiono com a quantidade de erros empregados nessa série. Anúncio inicial, plataforma onde foi veiculada, orçamento de produção, marketing, recepção do público, polêmicas de envolvidos em redes sociais, escolha de vozes originais para os personagens, roteiro dos episódios… é como se praticamente tudo fosse um grande contraexemplo de COMO NÃO FAZER tudo isso que foi referido, chega a ser inacreditável…

    • Breno disse:

      Até hj não tanko o slime boy que voz era aquela

    • Luciano Nascimento disse:

      Quanto a polêmica, a culpa não foi deste aí, ele não propaga ódio em nenhum lugar, porém talvez seja um desenho que daria certo em outro lugar, porém o pessoal não foi avaliar a série por este motivo, isso é bem errado, eu mesmo não gostei mas dei nota 3, por só ter em inglês, é bem chato assistir anime ou desenhos comuns em inglês.

  6. Vinicius Bruno disse:

    Cópia de RWBY tbm queria o que?

  7. frankly jr disse:

    Se eu paga-se a crunchyroll, eu ficaria muito irritado ver o investimento de um empresa que faz streaming de animes, em produção de animação americano estilo obras da CN.

  8. edustarman disse:

    Na boa sei que essa produção não foi feita para mim e independente das
    merdas que uma produtora dessa animação falou, simplesmente a animação
    não mexeu comigo não me senti atraído ou com vontade de ver, olha que
    simplesmente amo assistir Winx com minha sobrinha, e sou fã das
    fadinhas de Winx. Ah não vale pois o criador é homem, então vai aqui os
    animes orientais que simplesmente amo: Sailor Moon; Sakura Card Captors;
    Guerreiras Mágicas de Rayearth, Tsubasa: Reservoir Chronicle entre
    outros, o simples motivo para eu assinar Crunchyrool é que quero ver
    investimento no tipo de animação que eu gosto que é oriental, portanto
    literalmente a Crunchyrool não era lugar de High Guardian Spice, em uma
    Amazon Prime, Netlix ou outra plataforma de streaming, para um núcleo
    mais abrangente, talvez fosse melhor aceito, sobre criticar por criticar
    não vou fazer isso, por exemplo Fena: Pirate Princess para mim foi um
    acerto e casa com o que é prometido pela plataforma, nós otakus não
    somos de ostracizar ninguém, o que queremos são boas obras com animação e
    roteiro bem feito, podemos curtir tranquilamente um personagem LGBTQIP+
    desde que ele não esteja lá só por ser LGBTQIP+ mas que tenha um
    conteúdo e um plot legal, se o personagem é bom a ultima coisa que nos
    olharemos é a [email protected], então não use a bandeira ou carteirada de que
    otakus são machistas, por que isso é ridículo, gente ignorante e
    polarizado existem em qualquer comunidade, então se não tem uma obra boa
    o suficiente para apresentar não culpe o publico pense que o erro
    talvez possa estar em você, já ouvi dizer que a culpa é do orçamento já
    viu um “obra prima” chamada Neon Genesis Evangelion e veja que quando um
    enredo é bem construido o orçamento pode limitar, porém não será
    crucial para o resultado final da obra.

    • Allan Martins disse:

      Po mas tu querer comparar Winx com esse troço se tá de sacanagem tbm, a história é boa e animação é incrível…bom das 3 primeiras temporadas pelo menos.

      • Luciano Nascimento disse:

        Na época que saiu Winx ninguém achava isso, lembro que falavam que era pior que Barbie, eu sei a diferença mas falar que antigamente o pessoal não ligava pra isso é mentira.

    • Luciano Nascimento disse:

      Ah, mas quem falou merda por aí não foi o criador, está mesma equipe fez também Steven universo sabe, só achei errado ir para a CR, lá não ia dar certo, porém o pessoal não avaliou do jeito que vc falou e sim pela roteirista que “odia homens” e escreveu merda na rede social, acabou da galera cair em cima do anime por culpa dela mas não pq acharam a série ruim ou a dublagem ruim ( pra mim estar em inglês é chato pra carvalho), isto me afastou da série e só achei ela mediana no final.

  9. CabralAV disse:

    Honestamente eu acho que eles deveriam ter ajustado seus planos no momento que viram o orçamento pequeno, se só da para fazer episódios de 11 minutos então que façam os melhores episódios de 11 minutos do que episódios medianos de 22 minutos, ou nem que tivesse que sacrificar parte da animação, que já não é muito boa para começar, para trabalhar na história e roteiro (“roteiro bom pode salvar animação ruim mas roteiro ruim não é salvo por animação boa”), saiba como lidar com situações corretamente.

    • Allan Martins disse:

      Isso é verdade, he Man salvando eternia é prova disso.

    • Luciano Nascimento disse:

      O erro foi mais da CR, a empresa não faz anime, logo não ia dar certo, porém não digo que é uma aberração, só uma série mediana, daria certo em canais que são americanos como a Cartoon N.
      Acho que a CR mandou fazer em formato de anime sendo que não dá certo, pq a equipe já fez outros trabalhos que sei já assisti.

  10. Allan Martins disse:

    Tá aí…com o mesmo baixo orçamento, Onyx Equinox é muitas vezes superior

    • Luciano Nascimento disse:

      Tá na média viu, errado julgar uma série inteira por causa da roteirista, no caso a pessoa aí é o criador, não merece levar a culpa por causa de alguém da equipe assim!

    • Rita de Cássia Lima do Nascime disse:

      Sendo eles do mesmo estúdio, não fica a dúvida se estamos sendo seletivos com o ódio para a série?!
      Na época o povo não se reuniu pra desmoralizar o desenho, pq infelizmente teve sim gente assim.

  11. Allan Martins disse:

    Tipo a mina quer pedir empatia e pra pararem com hate…mas ela não vive destilando ódio nas redes sociais dela? Isso tudo é desculpa, tem um monte de animação top com orçamento baixo, incluindo o próprio Onyx Equinox que ela deu de exemplo

    • Luciano Nascimento disse:

      Ah, a pessoa que fez isso não é este aí da equipe e nem esse que vc citou, era uma tal de Katy que ninguém até agora foi tacar hate nela, culpam a produção inteira mas está roteirista que falou merda sobre nós, não este aí que é o criador e esta de boa e respeita o público

  12. Anubis_Necromancer disse:

    Eu vi a serie e gostei. Teve problemas nítidos? Claro, e bem escabrosos.
    Ainda assim a história clichezona poderia ter corrido com o baixo orçamento.
    Afinal, o que prejudica um desenho não é como ele é feito(pega Hora de Aventura como exemplo), mas sua narrativa cansada que o faz acabar com o interesse do público.
    O cara tá chorando por besteira, quem dera tivesse a grana que investiram na série, faria a minha e ainda faria sucesso

  13. Kkkkkkk não é ódio cego não filha é karma kkkk é mole ? Literalmente teve comentário de ódio contra homens e agora quer pedir pra n espalhar ódio pra serie só ganhou oq merece

    • Luciano Nascimento disse:

      Sobre isso não foi o criador da série, foi a roteirista contratada, o dono da série em nada tem haver com isso, ela fez isso quando não estava na empresa, não é correto prejudicar um trabalho inteiro de outras pessoas se uma foi errada, fazer uma delas sair sim, prejudica a imagem da empresa

      • Sim é errado,mas não muda o fato de ter sido uma merda pesada que marcou negativamente o projeto,se fosse um homem sendo um [email protected] babaca machista teria acontecido muito pior (como ja aconteceu),e meio que por isso o povo não perdoa oque aconteceu,uma vez taxado com um projeto que teve uma pessoa aleatória que falou merda sempre vai ser lembrado como tal.

  14. Pedro Nobrega disse:

    Viram que o orçamento tava equivalente a desenho de 11min e mesmo assim tentaram fazer de 22min. São um bando de amador mesmo

    • Luciano Nascimento disse:

      Deve ter sido a CR que mandou fazer igual a anime, tem gente que não entende que não dá certo fazer desse jeito, por uma empresa que também não sabe lidar com limites

    • Luciano Nascimento disse:

      Sei que vão dar dislike mas a empresa já fez outros trabalhos, logo não foi erro dela e sim da Roteirista ser escrota, pq não defini tudo das pessoas

  15. Hola disse:

    Desculpa de aleijado é muleta.

    • Luciano Nascimento disse:

      O erro foi mais da CR, a empresa não faz anime, logo não ia dar certo, porém não digo que é uma aberração, só uma série mediana, daria certo em canais que são americanos como a Cartoon N.

  16. Juarez Joestar disse:

    Esse negocio de Justificar pra tentar controlar o dano em pleno 2022. acho que, cai vai ser a turma do lacre, os besta que vai me negativar e a turma da pirataria “diretores de dublagem”.

    • Luciano Nascimento disse:

      Tudo virou de “lacre” e outro lado que vai xingar muito a série, por ódio da roteirista que nem é a pessoa aí de cima, confundiram que fez ataques de ódio em nós homens

  17. Kazuma disse:

    The Owl House dá de 10 a 0 nessa animação

    Falando em Onyx Equinox, quando vai vim uma nova temporada ? Gostei pra caramba dessa série

    • Luciano Nascimento disse:

      Eu vi os trabalhos anteriores deles, alguns estão envolvidos em Steven universo, não é um trabalho ruim sabe, pra mim é erro deixar a roteirista na produção, pq ela sim é um erro, pq no caso a série é só clichê mesmo, não tem motivos para o hate!

Deixe um comentário para Vinicius Bruno Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.