Tokyo 24th Ward: anime está com sérios problemas de produção

CloverWorks / Divulgação

O anime original Tokyo 24th Ward (Tokyo 24-ku) do estúdio CloverWorks é um dos destaques da Temporada de Inverno 2022, mas pelo visto, encontra-se com sérios problemas de produção.

O diretor chefe de animação de Tokyo 24th Ward, Itou Kiminori, está compartilhando em seu Twitter desde o anúncio em outubro, o péssimo cronograma de produção e que a equipe está quase colapsando.

Faltando menos de uma semana para a estreia, que será um dos primeiros da próxima temporada com duração estendida, Kiminori afirma que o episódio não está pronto e que teve que acampar no estúdio, além de que talvez terão que terceirizar para o exterior.


Itou Kiminori frequentemente diz estar odiando participar desse projeto e que não aguenta mais o cronograma do “lixo” do estúdio CloverWorks e que produzir três animes numa só temporada é loucura. Ele afirma que a qualidade da obra será horrível, no mesmo nível de Qualidea Code, uma das piores produções já feitas pelo estúdio.


Kiminori pede para que não esperemos muito de Tokyo 24th Ward, que possui a pior produção e atraso no cronograma dessa temporada, que estreia em 5 de janeiro na Crunchyroll e Funimation, com legendas em português.

14 respostas para “Tokyo 24th Ward: anime está com sérios problemas de produção”

  1. Isack Rosario Campos disse:

    Ê AniplexJP, a coisa tá feia mesmo ein. Temos 86 e seus 2 episódios por mês e mais essa…

  2. PH CP disse:

    Isso sem contar aquele processo que estão recebendo pelo nome da marca.

  3. 『vini』 disse:

    Entra ano e sai ano e essa situação nunca melhora. E muito pelo contrário, faz é piorar. Não sei o que vai ter que ocorrer pros estúdios de animes mudarem essa posição desumana.

    • MeGaNiNjA disse:

      Depois acham ruim quando o 3D toma conta do mercado de animes, só assim da pra compensar

      • Rafinha disse:

        Errado. o 3D é uma ferramenta secundária para dar uma força aos frames 2D. Eu assisti o Anime do Super Cub, cheio de Cenas 3D. mas foram bem utilizadas e mescladas com o 2D. Agora assistir um anime 3D a primeira experiência que vem a mente é: Esta parecendo um jogo de Video Game só que 100% sem interação de controle para escolher ou pular as cenas.

        • MeGaNiNjA disse:

          Se tu prefere 2D a 3D a escolha é tua, não estou criticando isso
          O que tou falando é que a tendência da indústria é ir mais w mais para o 3D, tem várias obras que já tão, aos poucos fazendo o salto pro 3D, Pokémon, Doraemon e muitas outras obras…

  4. will disse:

    Lamentável !

  5. Lien, o Viciado em TWST disse:

    CloverWorks repetindo a mesma burrada do ano passado

  6. Blader Dudu disse:

    A indústria de anime precisa de uma reformulação urgente, uma hora vai colapsar e extinguir os animes 2D assim, prefiro poucos animes mas bem feitos do que mal feitos e ainda com exploração desumana.

  7. Edenilson Pontes disse:

    A CloverWorks não aprendeu com os problemas do ano passado

  8. Flavio Gomes disse:

    Eo pior de tudo ainda ganham mal pra fazer isso e quase um trabalho escravo pelo menos eles tinham que ganhar mais ne nao a mixaria que eles recebem

    • Rafinha disse:

      Eles querem condições trabalhistas melhores. O dinheiro para o Itou Kiminori já não trás a satisfação por sua profissão.

      Das duas coisas um. Ficará doente de tanto trabalhar ou pedira demissão. Eu prefiro a segunda opção.

  9. Rafinha disse:

    Será que quando houver o lançamento dos Blu Ray do anime a chances de um acabamento melhor nos traços e tudo mais?? Tomara que sim. mas do jeito que o diretor expôs a situação. não é pra se esperar grades coisas que salvem este animê. Pra mim já é uma obra perdida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.