Sword Art Online: Alicization – War of Underworld estreia em fevereiro na Netflix

A-1 Pictures/ Aniplex/ Divulgação

A Netflix irá disponibilizar em seu catálogo no mês de fevereiro a segunda parte de Sword Art Online: Alicization, terceira temporada da franquia que adapta a light novel de mesmo nome escrita por Reki Kawahara. A produção foi desenvolvida pela A-1 Pictures e ganhou o subtítulo Sword Art Online: Alicization – War of Underworld.

A série conta com 23 episódios que foram exibidos originalmente entre 2019 e 2020 e continua a história da Guerra do Submundo que, de inicio, era apenas algo virtual entre os jogadores do reino humano e do Território Negro, porém, as consequências disso estão afetando o mundo real também.

Sword Art Online: Alicization – War of Underworld estreia dia 6 de fevereiro na Netflix apenas com áudio original e legendas em português.

6 respostas para “Sword Art Online: Alicization – War of Underworld estreia em fevereiro na Netflix”

  1. shikamaru disse:

    espero que a funimation de continuidade a dublagem visto que será difícil algum dia ela pintar na netflix.

    • murasaki disse:

      Aparentemente na verdade foi a própria Aniplex que dublou esse título em questão, visto que a dublagem latina original acabou sendo resgatada em vez da série ganhar redublagem na Haymillian do México como se pensava. Além disso, o fato da Aniplex trabalhar com a Iyuno Media Group, que também é parte do conglomerado Iyuno-SDI, que também trabalha com a Atma, deve ter sido o motivo do anime ter ido pra lá, apesar de não existir confirmação oficial.

      No entanto, é bom lembrar que dois títulos da empresa que até então estavam na Netflix e ganharam dublagem aqui acabaram não tendo suas licenças renovadas na plataforma, que seriam FMA Brotherhood (redublagem) e a primeira temporada de Black Butler, podendo também afetar (mas nada confirmado) as primeiras temporadas de SAO mais tarde, dependendo da decisão da Aniplex e/ou da Netflix em manter os títulos lá. Claro que também existe a possibilidade dos direitos de ambas séries serem renovados mais tarde já que ainda existem títulos da Aniplex chegando na plataforma como esse do post, mas talvez seja necessário feedback pra isso.

  2. murasaki disse:

    Isso me faz lembrar que o spin-off Alternative sairá do catálogo quatro dias antes dessa estreia, então recomendo que quem esteja acompanhando essa franquia na plataforma atualmente, que veja o quanto antes.
    E pelo que dá pra saber é por fim de contrato, que é a mesma data que estreou, que seria em 2019, mesmo ano que o contrato da série principal foi renovado. Então com isso pode ser que brevemente as primeiras temporadas também saem, mas nada confirmado.

  3. Samuel Alves disse:

    Eu sinto que as empresas ficam só enrolando o público com continuações, spin-offs e derivados em outras mídias. As histórias tem que ter um ínicio e um fim, não dá para ficar reinventando a roda. Hoje exitem tantos remakes e reboots por falta de criatividade, coragem para arriscar um produto novo e porque franquias já consolidadas obviamente são bem mais lucrativas, por isso que a Toei continua fazendo Dragon Ball, esticando One Piece ao Máximo, por isso que começamos com 150 Pokemons e hoje exitem centenas, por isso que todo ano tem um Power Rangers com a mesma história, jovens com roupas coloridas enfrentando monstros… Gente, acordem, a vida é muito curta para ficar na mesmice, aproveitem o tempo de vocês com conteúdos produtivos!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.