Somali and the Forest Spirit: autora deseja retomar mangá com a ajuda do público (AT)

Tokuma Shoten / Satelight / Divulgação

Através de uma série de tweets publicados nesta quinta-feira (10), Gureishi Yako, mangaká responsável por Somali and The Forest Spirit expressou seu interesse em retornar a publicar capítulos do mangá, que acabou sendo encerrado de maneira abrupta em dezembro de 2020 após um longo hiato da obra que perdurava desde outubro de 2019 em razão de problemas de saúde, pouco antes da série ter seu anime anunciado.

Nos tweets, é dito: “Em primeiro lugar, obrigada pelo apoio, fico feliz que você ame Somali, mas eu sinto muito, em razão de como a indústria japonesa de mangá funciona e da minha falta de habilidade, eu não tenho como retomar Somali agora. Somali era um trabalho onde eu precisava de uma boa quantidade de pessoas para fazê-la, e eu arcava com todos os salários, a empresa não fazia meu pagamento como com os envolvidos no anime. E agora estou sem emprego, sem dinheiro e sem salário, para reviver Somali eu preciso ter um grande estúdio assim como ser capaz de pagar o salário da minha equipe. Mangakás é quem tem que arcar com os honorários de seus assistentes, e eu tenho que fazer algo em relação a essa situação. Por favor, se os costumes esquisitos dessa indústria sumirem ou se ao menos meu nome tornar-se mais popular, quem sabe a retomada de Somali possa ser possível. Somali não será revivido sem popularidade, e por isso peço à vocês que são meus fãs que por favor apoiem Somali, pois é o que estou necessitando. Apreciaria se você pudessem espalhar essas palavras”.

Baseado em uma serialização da Web Comic Zenyon da editora Tokuma Shoten iniciada em 2015, no enredo da obra, humanos viviam em um mundo controlado por espíritos e monstros, sendo perseguidos como animais até serem praticamente extintos. Porém, em uma floresta, um golem encontra uma garotinha humana, e a partir de então uma improvável e interessante relação passa a se desenvolver entre a garotinha batizada de Somali e a criatura.

O anime de Somali and the Forest Spirit está disponível na Crunchyroll, com áudio original e legendas em português.

ATUALIZAÇÃO: Foi informado que a autora retornará a trabalhar para a Web Comic Zenyon, mas não para dar continuidade a Somali and The Forest Spirit e sim para começar um novo mangá a partir de abril.

3 respostas para “Somali and the Forest Spirit: autora deseja retomar mangá com a ajuda do público (AT)”

  1. edustarman disse:

    Triste a situação com tanto Isekai baseados em Novel ganhando anime e investimento, uma obra com uma premissa tão interessante, tomara que ela consiga o apoio necessário, apesar de não ter visto a obra pelo plot parece ser muito interessante.

  2. Squall disse:

    A situação da indústria dos mangás, especialmente a forma como eles tratam os autores, me faz pensar que quando eles dizem que evoluíram algo eles estão querendo dizer que trocaram a bola de ferro presa no pé por chicotadas. O trabalho deles é análogo a escravidão, direitos trabalhistas passam longe!

  3. @Sr.Sumido disse:

    Tomara que a autora consiga retomar essa obra maravilhosa logo, confesso que ainda não li o mangá, mas me apaixonei pelo anime. Uma obra realmente fantástica e que vale muito a pena ser vista, e que claro, merece muito mais reconhecimento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.