Pokémon deixou de ser importante para o Cartoon Network?

Por Matheus Sousa em

The Pokémon Company / Divulgação

Passam-se os anos e independente de qualquer que seja a postura da direção do Cartoon Network Latin America, Pokémon sempre encerra e inicia um novo ciclo. Hoje, uma nova geração deveria ter chegado ao CN, Jornadas Pokémon, nada menos que a 23ª temporada da franquia de monstros de bolso, mas..

Apesar dos altos e baixos, não podemos negar que o anime sempre foi um dos poucos (se não o único) a ter um tratamento diferenciado em relação a qualquer um que já tenha sido exibido por lá, é inegável. Porém as coisas parece que mudaram de figura.

The Pokémon Company / Divulgação

Desde a temporada Preto e Branco, o CN passou a esquecer que um dia, Pokémon já foi seu carro-chefe, (é claro, o canal tem sim que priorizar seus originais, óbvio, mas em uma programação de 24 horas, existe também espaço para uma série de 20 minutos), praticamente o ignorando por completo. As chamadas do anime ao longo da grade foram totalmente extintas, a data de estreia sofreu inúmeras alterações sem aviso prévio, e de uma hora para a outra, chegou a programação. O mesmo aconteceu com os filmes (que eram escalados em cima da hora para o Cine Cartoon), salvo um ou outro que recebiam algum destaque no bloco às sextas-feiras.

Novamente os anos foram se passando, a saga Preto e Branco e os filmes seguiam sendo exibidos com alguma regularidade. Entra-se então uma nova geração: XY. Uma estreia novamente silenciosa e que tinha algum destaque apenas nos filmes quando exibidos no Cine Cartoon (e quando eram de se acontecer às sextas-feiras).

Tivemos até uma certa exposição com os filmes remake da franquia, como Eu Escolho Você (esse reprisou até não querer mais) e O Poder de Todos. É chegado então a nova geração, Sol e Lua, onde as coisas até mudaram um pouco, buscando uma interação direta nas redes sociais. E essa promoção através de plataformas como Twitter e Facebook deve se intensificar a partir de agora, o problema é que não existe sinergia entre quem divulga as atrações e quem comanda o canal. É tudo um samba do crioulo doido.


Com o término da temporada anterior, Sol e Lua, obviamente o anime perderia espaço no canal, e foi o que aconteceu, sendo remanejado para o ingrato horário das 7h da manhã (com todo o bloco Heróis, que praticamente nem existe mais). Contudo será neste horário que o canal pretende estrear a nova geração da franquia, Jornadas Pokémon.

A nova série deveria ter tido início nesta segunda-feira, 21 de setembro, às 7h25, o que não aconteceu. A estreia foi adiada e não possuí mais previsão de estreia, mas deve seguir para de manhã. Alguém se habilita acordar cedo e conferir quando o canal “dizer” que vai finalmente estrear? Até porque, chamadas não serão exibidas. Preguiça de acordar cedo e fazer papel de trouxa..

É claro, o fator publicidade também conta muito para o sucesso e relevância de uma série para um canal infantil, mas não se trata apenas disso.

Ao mesmo tempo que parece ter, Pokémon mais parece ser um daqueles casos em que o canal simplesmente não quer abrir mão dos direitos de exibição, fazendo o que quiser com ele ao melhor estilo de sua pior época como esquecer o slogan “Fazemos o que queremos?”.

Talvez seja pedir demais tirar 25 minutos, das mais de 6 horas diárias de Os Jovens Titãs em Ação, para uma exibição minimamente decente.

“Ah, mas agora nós temos o Toonami”
Que tal uma dose de censura à meia-noite?

Comentários