Pokémon: anime deixa grade do Cartoon Network em toda América Latina

The Pokémon Company / Divulgação

Pokémon é uma franquia de sucesso em todo o mundo, não sendo diferente aqui no Brasil, onde até hoje mantém sua importância, estreando no país em 1999 através do Cartoon Network e da Record TV.

O Cartoon Network então exibiu durante todos estes anos as 23 temporadas do anime em sua grade, incluindo 17 filmes e uma série spin-off chamada Pokémon Chronicles. Contudo nas últimas semanas um fato chamou a atenção de quem acompanha ao canal: a retirada total do anime de sua programação no mês de agosto no Brasil. Em julho, o mesmo havia acontecido no Tooncast.

Pokémon vinha sido exibido de forma constante pelo Cartoon e essa saída foi observada com receio por parte dos fãs. O mesmo, agora, irá ocorrer com os demais sinais latinos do Cartoon Network. A série ainda era exibido nestes países, mas deixará a grade por completo no final do mês de setembro, perdendo o seu horário de exibição para mais uma reprise da animação O Mundo de Greg.

Nesta semana, os perfis oficiais de Pokémon anunciaram que o 18º filme da franquia, Segredos da Selva, irá estrear mundialmente através da Netflix, além da 24º temporada, intitulada Pokémon Master Journeys nos Estados Unidos, o que levanta a questão: será que anime também estaria deixando o Cartoon Network de vez em nossa região e migrando para a Netflix?

Em relação a estreia da 24º temporada no Brasil e restante da América Latina, até o momento, não existem informações quanto a uma data de lançamento.

Pokémon está disponível no Brasil em serviços como Netflix, Amazon Prime e o app Pokémon TV.

23 respostas para “Pokémon: anime deixa grade do Cartoon Network em toda América Latina”

  1. Luciano Nascimento Reis disse:

    Tudo indica que é o fim de uma era.

  2. Jardel disse:

    Enquanto isso o problema com a dublagem segue sem solução. O estúdio responsável deu um dane-se pros fãs, a empresa encarregada por mandar dublar, também e os youtubers que estavam puxando a galera pra tentar fazer algo, pelo visto já se conformaram. É triste, mas é nítido que a fãbase do anime já está morta desde quando deixaram trocar a dublagem de SP pela do RJ e a tendência é ficar pior, infelizmente. :-/

    • Bruno Luiz disse:

      A regra é: deixaram, logo irei cagar pra ti quando reclamar, pois não tens moral para tal ato

    • Blu3s disse:

      Só Netflix na causa agora, pelo visto…

    • Nightwalker disse:

      Eu espero que Pokémon Jornadas se cair nas mãos da Netflix a dublagem migre pra Som de Vera Cruz

      O mesmo pra Beyblade Burst sair de Campinas e ir pra Vox Mundi ou IST

    • Diego disse:

      Não é desrespeito com os dubladores, afinal eu gosto muito da dublagem BR tanto de SP quanto do RJ, mas Pokémon já era exibido no Brasil por quase 20 anos com uma dublagem consolidada e que todo mundo gostava
      Não conheço uma pessoa que gostou da dublagem carioca de pokémon. Ainda resta uma pequena chance da Netflix ter os direitos e quem sabe, redublar, já que a Netflix tem parceria com ótimos estudios de SP como a Vox Mundi e a Unidub. Sim, estou sonhando alto, mas quem sabe né?

      • Jardel disse:

        Pior que tem, viu. Já vi tanta gente babando a dublagem do Charles Emanuel. Mas também não gostei da troca dos dubladores, deveria ter ficado em São Paulo mesmo. E sobre redublagem, é muito difícil, já que a Netflix só transmite. Mas quem sabe com o pessoal reclamando ela entre em contato com a Pokémon Company, é a única que pode fazer alguma coisa.

  3. pedro agostinho disse:

    Eu não sei na minha rede de programação da OI eu ainda to vendo pkm certeza que realmente saiu?

  4. Caio Martins disse:

    o cartoon e o tooncast abandonaram pokemon estou muito decepcionado com os dois . tomara q a temporada 24 venha logo para a netflix assim eu posso assistir com calma e paciencia a hora mais tranquila pq os horarios q o cartoon botava pokemon eram horriveis. eu quero que o cartoon morra com esse lixo de jovens titas em ação que eles insistem em repetir 18 horas por dia .
    ja o tooncast eu nao sei pq ele tirou pokemon, sendo que so tinham passado 20 temporadas e eu esperava q fosse exibido a temporada 21 que foi exibida incompleta no cartoon network.

  5. tiagoseiyapb disse:

    Descaso total não só com exibição como também com a dublagem, a pokémon Company tá cagando e rodando prós fãs e isso é muito triste

  6. King Strife disse:

    CN hoje mal respeita conteúdo que não é Titãs em Ação ou Gumball, quem dirá de conteúdo de fora como Pokémon, realmente Pokémon tá merecendo um lugar melhor para passar por aqui.

    • Vilmar Batista disse:

      Esse ano nem Jovens Titãs em Ação escapou da ma fase do CN ,pois teve um episódio em que a CN exibiu um EP com o áudio errado (em espanhol em vez do PT BR) e nem se preocupou em consertar no dia seguinte.

  7. shipuca disse:

    Tomara que seja essa migração mesmo, muito melhor !!!

  8. Thomas disse:

    Essa fanbase é sofredora mesmo, trocaram todos os dubladores por conveniência, não porque os mesmos não quiseram continuar; trocaram os traços de Pokémon para um bem mais infantil; a qualidade da dublagem se foi e os caras ainda planejam continuar.

    Agora que a Turner tem a HBO Max é claro que vão empinar o nariz pra franquia de terceiros e que não os dão muito lucro. Está mais fácil o Tooncast exibir o G Force (Gatchaman no origina) do que o Pokémon com todas às exigências que a Pokemon Company tem hoje. Pokémon morreu no Black & White e pra alguns no Diamond & Pearl (pra mim foi no BW), quem continuou pagou pra ver a decadência, ninguém mandou abandonarem Digimon e Yu-Gi-Oh! por franquias continuas com Dragon Ball e Pokémon.

  9. Tamatsuyada disse:

    Parei de acompanhar dublado quando mudaram as vozes na primeira vez, agora só assisto legendado direto do Japão, bem melhor.

  10. Tales disse:

    depois do que fizeram com Dragon Ball fico até feliz, pra mim a CN acabou quando deixou de investir em animações de qualidade pra fazer tudo com o roteiro mais simples possível

  11. Alan Cano Munhoz disse:

    Espero que netflix pegue os direitos de tudo, assim eles conseguem investir de forma mais decente …..

  12. Nightwalker disse:

    Espero que migre pra Netflix e a dublagem seja feita na Som de Vera Cruz

  13. Mariana disse:

    Já era esperado, mas creio que a saída deve ter sido por algum motivo da Turner exigir a entrada de Pokémon no catálogo do HBOMax. Nunca saberemos, mas é fato que Pokémon teria maior janela e engajamento através da Netflix e YouTube já que seu público são crianças.

  14. Celso disse:

    Agora com o HBO Max, é estranho a Warner desprezar conteúdo de fora pra manter na TV Paga, já que as séries próprias tendem a serem priorizadas no HBO Max.

  15. Diego disse:

    Alguém sabe quem é a distribuidora de pokémon no Brasil e que escolhe o local de dublagem?
    Digo isso, pois sejamos francos, ninguém gostou da dublagem carioca de Pokémon. O anime já não tava bom e parece que perdeu mais popularidade ainda.
    Se os direitos ficassem somente com a Netflix, será que não seria possível redublar as últimas temporadas em São Paulo? (sim, estou sonhando bem alto)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.