Sonic: universo cinematográfico está sendo desenvolvido

Paramount Pictures/ Divulgação

Em entrevista ao Video Games Chronicle, o produtor dos filmes do Sonic, Toby Ascher, revelou que está sendo desenvolvido um universo cinematográfico do personagem, e que desde o inicio deste projeto eles já sabiam que novos personagens do mundo dos jogos seriam inseridos na trama.

Ascher comentou: “Estamos criando um universo cinematográfico do Sonic, então sabíamos que iríamos adicionar personagens, como Tails e Knuckles; novo para os filmes, mas amado por jogadores de todo o mundo”.

Um terceiro filme e uma série em live action do Knuckles já haviam sido confirmados pela Paramount Pictures e Sega em fevereiro deste ano e o renomado site Giant Freakin Robot afirmou que um filme spin-off focado no Tails também está em desenvolvimento, mesmo sem uma confirmação oficial do estúdio.

Se tratando do Knuckles, Toby elogiou a performance do ator Idris Elba, que dá voz ao personagem no longa e continuará na série de TV: “A atuação de Idris Elba como o Knuckles, que o faz canalizar o humor inexpressivo do Drax de Guardiões da Galáxia, oferece o contraste perfeito com o sarcasmo enérgico do Sonic. Sua história de fundo também fornece uma base agradável para sua conexão com o mascote azul, anteriormente não revelado nos jogos”.

Ele também falou um pouco do Tails: “Enquanto isso, Tails fornece o cérebro do trio, com seus aparelhos e inteligência entrelaçando muitas das sequências de ação do filme. Na linha do tempo de Sonic 2, Tails e Sonic nunca se conheceram antes, e há alguns momentos genuinamente doces em que os espectadores assistem a amizade da dupla se desenvolver na tela”.

Sonic 2 trará o Dr. Robotnik de volta e ele estará em busca de uma poderosa esmeralda que tem o poder de destruir civilizações inteiras. Para ajuda-lo, ele irá se aliar a Knuckles na luta contra o Sonic que, por sua vez, contará com a ajuda de Tails.

Sonic 2 chega aos cinemas brasileiros em 7 de abril.

18 respostas para “Sonic: universo cinematográfico está sendo desenvolvido”

  1. tiagoseiyapb disse:

    Que ver o Sonic super Sayajin se não tiver nao tiver não vai ter graça https://uploads.disquscdn.com/images/c50c297fe020d0b5e841e51bc767fcdbf511b425b0ed327d3afdce728678983f.jpg g

  2. Kazuma disse:

    Uma pena os Freedom Fighters serem só exclusivos da Archie Comics (porque daria pra explorar eles muito bem em Filmes e Séries) https://uploads.disquscdn.com/images/ebd0a9f179c316884f971b404b08ff870d904a271b27c8ed91c4ffd5a8e984f5.jpg

    • Fabio disse:

      Ou não. Sega deve ter os direitos, ao menos a Sally a Sega comprou e isso pouco tempo depois de sua criação.

    • Gabriel Viana Nagamini disse:

      Na verdade pelo que eu ví a Sega tem os direitos da maioria dos personagens da Archie pois eles foram críados pra outros projetos multimidia da época, não apenas para os quadrinhos.

      O que eles perderam foram os personagens críados pelo Ken Penders aquele cretíno, que incluem majoriatriamente nao vítais pros freedom fighters, como a Lara-Su, a namorada e príma do Knuckles.

      A razão da Sega não usar eles possívelmente é só porque eles querem críar sínergia na marca do Sonic tanto no Japao quanto no ocídente, e os Freedom Fighters infelizmente foram um produto de uma época antes dessa príoridade…

      • Tori disse:

        De acordo com o processo entre Ken Penders x SEGA, muitos personagens da época Archie criados por Ken, incluindo Sally, Bunny e etc.
        E também não podem haver expressões exageradas igual a comic.
        Por isso Sonic e etc tem essas expressões lavadas

        • King Strife disse:

          Sally e Bunny não foram criadas por Ken Penders, foram personagens criadas pela DIC Entertainment (a produtora de Sonic SatAM, Underground e AoStH), Ken só entrou na equipe dos quadrinhos acho que depois de 1 ou 2 anos.

          • Tori disse:

            Pois é, me corrigindo, os personagens exclusivos da ACP (Archie Comics) (Sally, Rotor, Bunnie, Antoine) são permitidos de serem usados.
            Porém, para usar os personagens fora das comics, é necessário um acordo entre SEGA e Archie para que possa haver consenso entre ambas partes.

            Fora os originais da Freedom Fighters, acho que nenhum outro da Archie + Ken Penders podem ser usados.

  3. King Strife disse:

    Todas essas apostas em expansão de universo do Sonic me faz lembrar dos quadrinhos da Archie Comics que mesmo sendo ruinzinhos no roteiro (tipo Eggman e Robotnik sendo dois personagens diferentes) eles tinham feito uma série do Knuckles, mini-série do Tails e Sally e por fim o “Sonic Universe” que era um spin-off dando mais expansão ao universo dos quadrinhos.

    • Fabio disse:

      Espero que seja isso, que estejam querendo adaptar os quadrinhos da Archie, Sonic Satam, Lutadores da liberdade e tudo mais, que tenham equipes diferentes para cada projeto. Lembrando que esse segundo filme ele saiu rápido, com apenas dois anos de diferença pro primeiro. Ver nos cinemas os lutadores da liberdade mais uma vez após o hiato sem conclusão de Sonic Satam será gratificante!

      • King Strife disse:

        Seria meio difícil ver os Lutadores da Liberdade nos filmes visto que eles não são personagens originais da Sega e ficaram restritos apenas ao material americano de desenhos e quadrinhos que foi começando a ser dropado lentamente quando lançaram Sonic Adventure.

  4. Yuri Luiz disse:

    Irmão…
    Isso tá indo de 0 a 100 MUITO RÁPIDO!

    • Blu3s disse:

      Né isso? Já era difícil acreditar que o Jim Carrey voltaria de boa para uma sequência, imagina então repetir a participação em uma pilha de filmes de universo compartilhado…a não ser que em ao menos algum deles deixem de lado o Eggman/Robotnik.

  5. Samuel Alves disse:

    Começou… Um filme não pode dar certo que logo em seguida vem as produtores querendo fazer uma franquia de 300 filmes… Aí fica só a enrolação.

  6. will disse:

    Uau, ousado !!

  7. Hola disse:

    Eu fico feliz pelo Jim Carrey nisso aí.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.