Panini anuncia novos reajustes nos mangás

Reprodução.

Para a infelicidade de muitos consumidores do mercado brasileiro de mangás, foi revelado durante uma live da editora Panini no YouTube nesta segunda-feira (8) que ocorrerão novos reajustes em janeiro.

Diversos mangás no formato tanko que, atualmente, estão disponíveis por R$29,90, serão reajustados para R$33,90, R$34,90 ou R$35,90. Já obras em formato personalizado como JoJo’s, Banana Fish e Dragon Ball: Edição Definitiva terão reajustes ainda maiores. Esses indo, respectivamente, para R$39,90, R$49,90 e R$69,90. Alguns mangás mais finos como Takagi: A Mestra das Pegadinhas e Yuuna e a Pensão Assombrada serão reajustados para o preço de R$29,90. Títulos que serão finalizados em janeiro, novels e Tower of God não serão reajustados.

O motivo dos reajustes se deve, principalmente, a dificuldade da compra de papel para a impressão dos mangás nas gráficas. O papel tem estado bastante escasso no mercado e, por conta disso, elevou seu preço, que agora está se refletindo no valor de diversas obras. Provavelmente, outras editoras também aumentarão seus preços.

Os reajustes da Panini serão praticados a partir de janeiro de 2022.

24 respostas para “Panini anuncia novos reajustes nos mangás”

  1. Kevin Bueno disse:

    Eu costumava comprar muito mangá no começo da minha adolescência, uns 10 anos atrás, quando edições de luxo eram vendidas a 16,90. Com o tempo, fui parando, e a última coleção que completei foi Orange.
    Esses dias, depois de um bom tempo, fui passar numa banca pra ver se tinha algo que me interessava e acabei não levando nada. Tudo muito caro, absurdo.

    • Blu3s disse:

      O curioso é que aparentemente cada vez menos pessoas tem o hábito de comprar e colecionar mangás, mas cada vez mais certos volumes somem dos estoques das lojas ao invés de encalharem nas prateleiras por aparente baixa demanda em virtude dos preços, é um bagulho bizarro.

      • Khaliut 39999000 disse:

        Provável que seja escassez artificial, a loja se livra do estoque(ou esconde) pra manter o preço alto. (Inclusive,, Esse ano ainda, ou foi em 2020, não lembro. Um funcionário da amazon da Inglaterra vazou que a distribuidora destruía estoques de produtos pra manter o preço)

      • Fernando Paulo disse:

        A explicação para raridades é a baixíssima tiragem msm…

  2. Rafael Barreto disse:

    Que ridículo. Ainda bem que só leio na internet atualmente. Até coleções que fazia vou ter que parar como opm

  3. Mystician disse:

    A era de ouro dos scans tá voltando. Que JBC e Panini vão a falência. Não farão falta do jeito que estão.

  4. Squirtle Boss disse:

    Ia colecionar Konosuba mas não rola gastar minhas economias num mangá de má qualidade ao custo de trinta e cinco reais mensais.

  5. WILL disse:

    Saudades de quando pagava 9,90 e achava caro ainda

  6. josney disse:

    Os scans vão ter reajuste de publico também… RsRs. O problema é que eles não melhoram qualidade do papel. Edições básicas por preço de edição de luxo.

  7. Fernando Paulo disse:

    Uma verdadeira palhaçada editorial, isso, sim! Estão usando os mini-descontos nos preços de capa e a mentira da escassez de papel pra meter a facada no consumidor… Aqui na editora que eu trabalho a ameaça da falta de papel já foi superada há séculos, e eu afirmo isso pq trabalho no ramo…

  8. Nan Nobrega disse:

    Quando eu era criança comprava os meio tankobon de cdz por 2 reais

  9. Luiz Carlos disse:

    Surreal esses preços. Ainda bem que esse ano só peguei Burn The Witch mesmo.

  10. Gabriel Arruda disse:

    Fiquei uma arara quando soube e fui reclamar na página da Panini no facebook.

  11. Lios disse:

    Desse jeito, mangá se tornará um “produto gourmet” só para colecionadores…

  12. Wanderson Sousa disse:

    Se é pelo papel,quando o produto bruto voltar eles vão retornar o preço de antes?
    Sabemos q não

  13. Que absurdo, ainda q bem só tô colecionando Ao No Flag. Depois que ele acabar, não sei mais quanto à essa editora. E mangás com mais de 10 volumes, esquece.

  14. Lien, o Viciado em TWST disse:

    Uma tristeza isso…..

  15. Ale Torres disse:

    Ainda bem que estou aos poucos me retirando desse mercado. Em breve, não terei mais nenhuma coleção em andamento e nem interesse em começar novas. Não tem como, esses preços são quase proibitivos.

  16. The Tick disse:

    por essas e outras que eu amo o mangá livre, vida longa aos scans !!!

  17. Haruboy disse:

    Pior que se pensarmos na situação de 10 anos atrás, os animes estavam em baixa, enquanto que os mangás estavam em alta. Agora a situação se inverteu. Hoje o mercado de animes está muito bem mas o de mangás está pedindo clemência por ajuda. A gente sempre imagina que uma coisa poderia puxar a outra, mas isso acaba não acontecendo.

  18. Just a... disse:

    Tá muito ridiculo esses preços, voce vai pagar em 1 unico mangá o preço de um mês assinando um streaming.
    Pra quem coleciona mais de 1 por mês, fica muito apertado o orçamento.
    O que acho mais absurdo é eles falarem que vão aumentar o preço por causa do papel e do dolar, ok, blz, mas pra que então anunciar reimpressão/lançamento justo pra essa epoca que o papel está meio que faltando e o dolar está la em cima? porque não esperam a situação melhorar pra anunciar por um preço mais acessivel?
    Não caio nessa de: “É porque fãs estão cobrando e eles vão ouvir esses pedidos.”, não caio nessa mesmo porque a panini tem aquela fama de não ser muito atenciosa aos fãs.
    Saudades de quando pagava uns 12 a 18 reais.

  19. João Vitor P.G. disse:

    Cara até o one piece que era o mais barato do catálogo por 20 pila aumentou
    Era o único que eu comprava, agora pra pedir desculpa pelo preço ele vem com uma sobre capa inútil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.