Liga da Justiça: executivo da Warner diz que estúdio sabia do fracasso

Por Matheus Sousa em

Warner Bros. / Divulgação

Em matéria publicada pela Vanity Fair, um executivo da Warner Bros. que preferiu não se identificar, revelou que o estúdio sabia da atrocidade cometida por Joss Whedon em Liga da Justiça, mas que já era tarde demais para reverter a situação.

“O pior de tudo, para a Warner Bros., foi que Whedon não salvou exatamente o filme. Quando pudemos ver o que Joss realmente fez, foi assombroso. A cena do ladrão no telhado, foi tão pateta e horrível. A família russa, tão inútil e sem sentido. Todos sabiam disso. Foi tão estranho porque todos sabiam, mas ninguém queria admitir que aquilo era um pedaço de merda.” disse.

Zack Snyder’s Justice League será lançado em 18 de março no HBO Max.

Comentários