Análise: Sasaki and Miyano – a confusão antes do amor

Reprodução

O Japão pode ser um país conservador, onde um simples andar de mãos dadas pode ser motivo de vergonha para um casal, contudo, quando se trata de produções retratando casais do mesmo gênero eles são bem progressistas e todos sabemos disso. Animes BL (Boy’s Love) são algo comum entre o público japonês e agrada principalmente ao feminino, sempre tendo alguma novidade neste quesito vindo da Terra do Sol Nascente.

Como estamos no mês do orgulho e nosso carro-chefe são os animes, vamos conhecer mais desta série que nos traz o amor entre dois rapazes: Sasaki and Miyano (Sasaki to Miyano). A produção estreou em janeiro deste ano no Japão e no resto do mundo através da Funimation, sendo composta de 12 episódios que foram produzidos pelo Studio Deen. A obra geral é baseado no mangá escrito por Shõ Harusono.

Studio Deen/ Divulgação

A trama acompanha Miyano, um jovem do 1ª ano do ensino médio baixinho e que possui cabelos pretos curtos e um rosto angelical. Ele que guarda um segredo polêmico — o garoto ama mangás BL — e, de novo, eu digo que os japoneses são bem progressistas neste quesito. O Brasil, por exemplo, não possui essa liberdade, até mesmo para mostrar um simples beijo inocente entre dois homens em uma novela foram semanas de “preparação do público”.

Mas, voltando ao anime, Miyano possui esta grande admiração por mangás; animes e filmes BL e esconde de todos, por motivos óbvios, até que numa manhã ele observa um grupo de estudantes agredindo um outro aluno e resolve ir até lá para impedir que a briga continuasse. Neste momento, Sasaki aparece, observa que Miyano não iria dar conta daquilo e passa na frente do garoto resolvendo ele próprio a confusão. A partir disso, Sasaki começa a desenvolver um carinho por Miyano e passa a, sempre que pode, estar ao seu lado.

Sasaki é um estudante do 2ª ano; alto e de cabelos alaranjados, por ser um aluno mais velho é tratado como senpai pelos alunos mais novos que nutrem uma admiração e um certo receio por ele, afinal, acham que é algum tipo de delinquente. Por este receio, os amigos de Miyano começam a se preocupar com ele quando Sasaki passa a aparecer repetidas vezes em sua sala de aula.

Studio Deen/ Divulgação

Mas, como isso se inicia? Já contei sobre a briga, mas isso foi apenas um estopim, a aproximação de ambos começa por conta do gosto peculiar de mangás do Miyano. Ao tentar uma aproximação, Sasaki demonstra interesse pelos gostos do jovem rapaz de rosto angelical e acaba pedindo um de seus mangás emprestado e isso acaba se tornando um hábito. Miyano compra um mangá novo, comenta com Sasaki e empresta para ele ler.

Essa construção é muito gostosa de observar, pois começa tudo de um jeito muito legal e inocente. A cada dia, Sasaki sempre conversa com Miyano sobre o mangá lido, comenta sobre algum anime ou filme que acabou assistindo e procura formas de encontrar algo que o garoto goste para ficarem mais próximos.

Essa presença constante do senpai do 2ª ano vai começando a fazer com que a mente de Miyano se pergunte – será? – mas, no início isso é algo que ele nega para si próprio. Ele se questiona sobre o senpai e sobre si mesmo, afinal, mesmo gostando de mangás BL ele não se considera um homem gay. Aos poucos, o jovem menino vai descobrindo que sua sexualidade vai além do hétero e do gay, assim como Sasaki.

Studio Deen/ Divulgação

Em 12 episódios esta confusa amizade vai aumentando e chamando a atenção daqueles ao redor dos protagonistas que já imaginam o que está acontecendo, menos um dos envolvidos: o Miyano. Desde o começo do anime fica claro a intenção dos sentimentos de Sasaki e isso vai instigando o telespectador a desejar que algo seja dito ou feito por ele e isso é realizado, só que para uma relação ocorrer, são necessárias duas pessoas.

Depois de um certo episódio, o que vemos não é mais uma confusão de ambos, porém uma confusão apenas. Miyano precisa se desconstruir para poder abraçar os seus sentimentos e o que vemos aqui é um pouco semelhante ao que foi mostrado em Heartstopper. Ele aprende a amar, a se aceitar e a não temer o pensamento de terceiros sobre si.

A animação deste anime é bela, não chega a ser algo majestoso, mas é algo bonito de acompanhar e a trilha sonora também encanta. A música de abertura se chama Mabataki, cantada por Miracle Chimpanzee. A canção possui a empolgação que um anime desses pede. Epode claro, o anime não promete nem tenta ser algo revolucionário, que mude paradigmas, mas ele cativa e te faz se sentir próximo dos personagens, desejando que ambos fiquem felizes. Assistam este delicioso anime de coração aberto, ele irá te conquistar.

Sasaki and Miyano está disponível na Crunchyroll e na Funimation com opção de áudio original e legendas em português.

*As opiniões expressas neste artigo são de responsabilidade do autor e não remete necessariamente a posição do ANMTV*.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.